Protocolo de Montreal | HCFC's

  • SENAI-SP capacitará técnicos de refrigeração que atuam em supermercados
  • SENAI-SP capacitará técnicos de refrigeração que atuam em supermercados

    O Senai-SP já está com as inscrições abertas para os Cursos de Boas Práticas em Refrigeração Comercial, implementados no âmbito do Programa Brasileiro de Eliminação dos HCFCs (PBH) pela Escola Senai Oscar Rodrigues Alves em parceria com a Cooperação Alemã para o Desenvolvimento Sustentável (GIZ), sob coordenação do Ministério do Meio Ambiente (MMA) e com o apoio da Associação Brasileira de Supermercados (Abras). Os cursos têm como objetivo conscientizar os técnicos sobre o manuseio correto e a redução de vazamentos do HCFC– 22.  Os HCFCs são gases (fluídos frigoríficos), que devem ter seu uso eliminado pelo Brasil até 2040 (até 2020 a redução de consumo será de 35%).

     “A demanda de alunos para esses cursos no Estado de São Paulo é muito grande e acreditamos que poderemos cumprir muito bem toda a programação”, afirma o diretor da Escola Senai Oscar Rodrigues Alves, de São Paulo, Eduardo Macedo Ferraz e Souza. “Há dez anos ministramos os cursos de boas práticas para eliminação dos CFCs, o que foi um sucesso  na época . Agora temos mais esse desafio e vamos trabalhar para  também alcançarmos ótimos resultados”, complementa.

     

    Serão 752 vagas, que serão divididas em turmas pela  manhã, à tarde e à noite, desde o final deste ano até 2016. “Nossa proposta é organizar o calendário de cursos de forma que atenda a necessidade dos alunos. Teremos aulas inclusive aos sábados, o que favorece quem não pode fazer o curso durante o dia”, explica o professor Mauro Airoldi, coordenador de atividades técnicas da Escola Senai Oscar Rodrigues Alves, responsável por essa programação. “O Senai é uma escola excelente. Esperamos que os supermercadistas de São Paulo indiquem seus técnicos para participarem desses cursos, que podem apoiar muito a redução de vazamentos do HCFC-22, beneficiando o meio ambiente, e também as empresas, que ganharão em eficiência”, afirma Stefanie von Heinemann, consultora responsável pela coordenação desses cursos pela GIZ (Deutsche Gesellschaft für Internationale Zusammenarbeit (GIZ) GmbH).

     

    Todos os cursos fazem parte das iniciativas previstas pelo Programa Brasileiro de Eliminação dos HCFCs (PBH), em conformidade com o Protocolo de Montreal.  Eles foram organizados conforme o acordo setorial de cooperação técnica assinado pelo Ministério do Meio Ambiente e a Associação Brasileira de Supermercados (Abras), em 2013, que prevê a capacitação de 4.800 técnicos/mecânicos refrigeristas em todo o Brasil, com o apoio da agência bilateral GIZ. Além do Senai-SP já ministram esses cursos escolas técnicas dos estados de Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso do Sul, Bahia, Amazônia e Rio Grande do Sul.   

    Protocolo de Montreal:

    O Protocolo de Montreal sobre substâncias que destroem a camada de ozônio do Planeta é um tratado internacional em que o Brasil, a exemplo de outros países signatários, se comprometeu a substituir as substâncias que agridem a camada de proteção do Planeta, como é o caso dos gases CFCs, eliminados pelo Brasil em 2010, e dos HCFCs, cujo trabalho atual é pela redução, até chegar à eliminação prevista para 2040.

    Mais informações sobre esses cursos:

    Ligue Escola Oscar Rodrigues Alves: (011) 2065-2810 ou consulte  http://refrigeracao.sp.senai.br/

     

Mais notícias