Protocolo de Montreal | HCFC's

  • Projetos demonstrativos em supermercados para contenção de HCFC-22 avançam com licitação para compra de equipamentos
  • Projetos demonstrativos em supermercados para contenção de HCFC-22 avançam com licitação para compra de equipamentos

    Entre as várias iniciativas em curso no País, atualmente, que visam a redução do consumo do HCFC-22, promovidas pelo governo no âmbito do Programa Brasileiro de Eliminação dos HCFCs (PBH), estão projetos demonstrativos em supermercados, que agora avançam graças a edital publicado para compra de equipamentos.

     

    Dois projetos demonstrativos em supermercados já foram aprovados e visam a hermetização de sistemas de refrigeração, reduzindo assim os vazamentos do HCFC-22, além de identificar fontes para uma possível melhoria da eficiência energética.  

     

    A avaliação técnica das instalações é realizada por especialistas da GIZ - Cooperação Alemã para o Desenvolvimento Sustentável, que atua, no âmbito do PBH, como responsável pela execução dos projetos de contenção de vazamentos para o setor de serviços, sob coordenação do Ministério do Meio Ambiente (MMA) e com o apoio da agência líder PNUD – Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, que publicou na segunda-feira (1/8) edital para compra de equipamentos.

     

    O processo de compras para aquisição de equipamentos, componentes e materiais para a realização do Projeto Demonstrativo de melhor contenção de HCFC-22 em supermercados foi publicado pelo PNUD no seguinte link:  http://www.un.org.br/licitacoes/Home/Licitacoes. O número do Edital é JOF 0131-29582/2016. As lojas que foram escolhidas através de um processo seletivo para esses projetos são das redes Yamada (Pará) e São Vicente

     

    Além dos projetos demonstrativos em lojas, ou seja, estudos de casos que podem servir de exemplo a todo o setor, pois serão acompanhados por técnicos e totalmente documentados, fazem parte do Acordo de Cooperação Técnica assinado pela Associação Brasileira de Supermercados (ABRAS)  e pelo MMA, em 2013, a capacitação de 4.800 técnicos/mecânicos de manutenção (em fase de execução);  a implantação de sistema de controle e documentação (em fase de execução); e a realização de campanhas de divulgação e conscientização do setor supermercadista (realizada atualmente via sites, revistas e eventos).

     

    PBH

     

    Essas iniciativas fazem parte do Programa Brasileiro de Eliminação dos HCFCs (PBH), cujas ações são financiadas com verbas do Fundo Multilateral para implementação do Protocolo de Montreal, e contam com a implementação da Cooperação Alemã para o Desenvolvimento Sustentável, a GIZ - Deutsche Gesellschaft für Internationale Zusammenarbeit GmbH, sob coordenação do Ministério do Meio Ambiente.

     

    O Programa Brasileiro de Eliminação dos HCFCs segue as determinações e os objetivos do Protocolo de Montreal, assinado pelo Brasil em 1990. O consumo do HCFC-22 é estimado em cerca de 9 mil toneladas por ano, em todo o País, e cerca de 40% desse total, ou seja, cerca de 4 mil toneladas, ocorre nos equipamentos refrigerados dos supermercados.

Mais notícias