Protocolo de Montreal | HCFC's

  • Nova cultura de boas práticas em climatização e refrigeração traz benefícios para toda a população
  • Nova cultura de boas práticas em climatização e refrigeração traz benefícios para toda a população

    “Nós consideramos importante para o Senai e para o Brasil os treinamentos organizados pelo PBH, sob coordenação do Ministério do Meio Ambiente e implementação da GIZ. Eles propiciam a oportunidade de um aprendizado com efeito a longo prazo, porque ajudam a mudar a cultura dos técnicos da área e da população em geral que os contrata, com objetivo que enfatiza a importância das boas práticas de manutenção. ” A afirmação é de Eduardo Macedo, diretor da Escola Senai Oscar Rodrigues Alves, que inicia este mês as aulas dos Cursos de Boas Práticas em Sistemas de Ar Condicionado do Tipo Janela e Mini-Split, no âmbito da Etapa 2 do Programa Brasileiro de Eliminação dos HCFCs (PBH).

     

    Segundo Macedo, o técnico, após participar desses cursos, vai para o mercado e, na prática, no dia a dia do seu trabalho, utiliza as boas práticas de refrigeração e climatização aprendidas. “Ele dissemina os conteúdos para quem os contrata, empresas e consumidores em geral, e assim ajuda a mudar a cultura da população, que começa a valorizar as boas práticas de manutenção dos equipamentos e incentiva os outros técnicos a melhorar qualidade nos serviços”, explica.

     

    A parceria do Senai-SP com o MMA e a GIZ é de longa data. “Nós participamos desde 2005, da primeira fase desses cursos. É nosso terceiro contrato de participação com o MMA/GIZ. Agora, com esses cursos, nossa proposta é formar 900 alunos até outubro de 2018, mas queremos superar as expectativas e finalizar essas turmas até o final do primeiro semestre. Acreditamos ser possível essa meta porque a demanda é grande por parte dos alunos. Esses cursos são muito cobiçados”, afirma Macedo, engenheiro mecânico, com mais de 30 anos de experiência no Brasil e no exterior.

     

    Atualmente, os cursos relacionados aos sistemas de ar condicionado são os mais procurados na Escola Senai Oscar Rodrigues Alves, localizada no bairro Ipiranga da cidade de São Paulo, especializada em climatização e refrigeração e referência para todo o Brasil. “Este novo curso vai atender um nicho maior de mercado, sistemas de ar condicionado minisplit e janela. Este é um grande mercado, especialmente o minisplit, que vem disparando em vendas no Brasil, nos últimos dez anos, e, portanto, desperta grande interesse nos técnicos em poder participar. Já abrimos as inscrições e estamos com várias turmas fechadas. Isso mostra que a proposta do MMA/GIZ está em sintonia com as necessidades do mercado brasileiro”, afirma Macedo.

     

    Segundo ele, a preocupação da população com o meio ambiente vem aumentando e os técnicos que fazem esses cursos percebem que ganham um diferencial de mercado com os conhecimentos adquiridos nos mesmos. “É grande a preocupação do mercado hoje com a eficiência energética e esses cursos suprem também essa demanda, porque as técnicas abordadas auxiliam no aumento da eficiência energética para os sistemas, com a diminuição do consumo de energia, além da preocupação quanto a utilização de fluidos frigoríficos corretos e a localização de possíveis vazamentos, proporcionado por uma boa prática de manutenção. Se o fluido vaza para a atmosfera por causa da má manutenção ou falta dela, além de prejudicar o meio ambiente, a performance de todo o sistema é prejudicada”, afirma Macedo.

     

    A Escola SENAI, hoje, realiza, além de uma ampla variedade de cursos na área de refrigeração e climatização, cinco cursos de pós-graduação, sendo dois deles relacionados à eficiência energética na indústria e nas edificações. Saiba mais em https://refrigeracao.sp.senai.br/

Mais notícias